Juntas contra o câncer de mama + aplicativo de combate a doença

Oi, amores! Chegou o Outubro Rosa, mês oficial de conscientização sobre o câncer de mama, e eu vim aqui conversar com vocês sobre esse assunto. Esse movimento foi iniciado nos Estados Unidos, em 1990, onde vários estados realizavam ações de prevenção pelo diagnóstico precoce do câncer de mama. Este ainda é o tipo de câncer que mais mata mulheres no Brasil. Dá pra acreditar?

Como eu desejo, do fundo do meu coração, que juntas possamos nos cuidar, ser felizes e aproveitar a vida que foi nos dada, convidei a mastologista Andresa Barbosa para explicar a importância do diagnóstico precoce e o passo a passo do autoexame.

Confesso que fiquei assustada com os dados que ela compartilhou comigo. Estatísticas apontam 1,7 milhões de casos novos ao ano no mundo. Segundo o INCA (Instituto Nacional de Câncer) são quase 58 mil casos novos no Brasil com um risco aproximado de 56 casos a cada 100 mil mulheres. A taxa de mortalidade do câncer de mama no país é de 14,4 casos a cada 100 mil mulheres.

Além disso um dos principais problemas é que muitos casos de câncer são diagnosticados já em estágio avançado, quando já é difícil tratar a doença. Se no momento do diagnóstico o tumor for menor que 1 cm, as chances de cura chegam a 95%!! A mamografia de rastreio consegue encontrar lesões mesmo antes que elas possam ser palpadas.
No Brasil, o câncer de mama é o câncer que mais mata mulheres. Viram como é importante a prevenção?

O auto exame de mamas é simples. É necessário seguir três passos principais que incluem: fazer observação em frente ao espelho, palpar a mama em pé e depois deitada. Ele deve ser feito uma vez ao mês, após o fim da menstruação ou em uma data fixa nas mulheres que não mais menstruam. A mulher deverá levantar o braço esquerdo, colocando a mão atrás da cabeça, com a mão direita palpar cuidadosamente a mama esquerda usando movimentos circulares, vertical e horizontal. Repetindo esses passos para a mama do outro lado.

Você conhece a história do outubro rosa?

Eu sempre tive curiosidade em saber como surgiu o mês oficial de conscientização. A Andresa me contou que o Outubro Rosa teve início nos Estados Unidos, quando a Fundação Susan G. Komen for the Cure (que luta contra o câncer de mama) começou a usar o laço rosa, isso na década de 90. Esse “laço” tornou-se símbolo mundial da luta contra a doença. Anos mais tarde o movimento se espalhou onde vários estados realizavam ações referentes ao câncer de mama, nesse mês.

Em terras brasileiras a primeira iniciativa em prol da campanha que se tem registros foi à iluminação em rosa do monumento Mausoléu do Soldado Constitucionalista (o Obelisco do Ibirapuera), em São Paulo, no dia 02 de outubro de 2002. Essa campanha foi idealizada por um grupo de mulheres simpatizantes com a causa. Onde vocês moram quais atividades acontecem nesta época? Conta nos comentários!

Aplicativo de combate ao câncer

E me conta mais uma coisa: quem está com os exames em dia? Pesquisando mais sobre o assunto descobri um app que funciona como uma rede social de pessoas que lutam contra o câncer, onde o usuário pode curtir, comentar e publicar postagens relacionadas ao tema. O Kimeo (www.kimeo.com.br) não é voltado só para pacientes, mas também para amigos, familiares e pessoas que já estão em remissão. O aplicativo é gratuito e pode ser baixado em celulares Android e iOS.

Meninas, o câncer de mama é um assunto sério que afeta profundamente muitas mulheres todos os anos. Espero que vocês tenham gostado das dicas que a Dra. Andresa Barbosa trouxe pra gente. Eu apoio o Outubro Rosa. Previna-se. Cuide-se. Ame-se. Você é muito especial.

Beijos,

Dra. Cíntia Cunha

comments

Postagens Relacionados

;