Os impactos da luz visível e da radiação na nossa pele.

Pessoal, lembra que falei no meu canal no youtube que ia dar dicas para vocês de como cuidar mais da pele e se proteger dos impactos da luz visível e da radiação na nossa pele?

Pois é, então vamos lá!!!
Vocês sabiam que a Radiação UV possui maior incidência nos horários de pico entre 10:00 e 16:00 hs, mas a luz visível possui uma incidência praticamente igual o dia todo.

Estudos mostram que o vidro do carro é bem eficiente em diminuir a passagem da radiação UV, apenas 3% da radiação medida fora do carro foi detectada dentro, bom né!!!

Mas olha só, já para a luz visível, o vidro do carro é praticamente transparente, permite a passagem de 90% a 95%, mesmo em carros com película de proteção, a luz visível consegue incidir até mais de 70%.
Então, já pensou na hora de sair do trabalho para almoçar, dentro do carro ao meio dia, em época de verão principalmente, a gente recebe em média 150 J/cm² e isso é mais que suficiente para produzir aquelas manchinhas tão temidas, o melasma!!!
Levando em consideração que a quantidade mínima para começar o processo de pigmentação é de 40J/cm² e a produção de radicais livres que estimulam o envelhecimento é de 65J/cm², olha só o quanto estamos expostos o tempo todo!

E falo mais, smartphones, telas de computador, lâmpadas de led, também produzem quantidades significativas de luz visível, que dependendo da distância e quantidade de horas de exposição, já é o suficiente para iniciar o estímulo de pigmentação na nossa pele.

Complicado né, gente!
Proteger a nossa pele no dia a dia é fundamental, mesmo quando estamos no celular, no carro ou até durante o frio.

Ah lembrem-se de sempre consultar seu dermatologista, é sempre a melhor pessoa para cuidar da sua pele, tá?!

Beijos!!!
Dra. Cintia Cunha

comments

Postagens Relacionados

;